Como definir o nome e a chamada do seu curso online

Aprenda algumas estratégias para definir nome e chamada do curso online e chamar mais atenção do seu público, despertando o interesse para o seu curso online.

Após finalizar todo o processo de criação, planejamento e execução do seu curso online, chegou a hora de colocá-lo à venda!

Neste momento, você irá precisar utilizar algumas estratégias para conseguir atrair as pessoas certas e conseguir começar a gerar receita.

São diversas as maneiras de fazer isso, porém, hoje iremos focar apenas em como definir o nome e a chamada do curso online.

Para isso, acompanhe os próximos tópicas e veja o que você precisa levar em consideração na hora de criá-los.

Definindo o nome do seu curso

O nome do seu curso tem uma grande importância, uma vez que ele será, basicamente, o primeiro contato que as pessoas terão com ele.

Por isso, você irá precisar impressionar e convencer a pessoa que o seu curso é o que ela precisa.

Mas, antes de sair criando diversas opções, a primeira etapa é analisar os seus concorrentes.

Assim, você irá evitar copiar ou pensar algo muito semelhante com o que eles já fazem.

Além disso, você precisa seguir a regra C.C.A.D.

Em outras palavras, o nome do seu curso precisa ser curto, claro, atrativo e disponível.

Curto

Não pode ser muito extenso para facilitar a memorização e não se transformar no slogan, ou seja, na chamada do seu curso online.

Claro

Quando as pessoas lerem o nome do seu curso, elas precisam saber exatamente do que se trata.

Então, busque ser direto e definir bem o que você está ensinando.

Atrativo

Você não trabalhou a toa, não é mesmo? Se não chamar atenção para o seu conteúdo, ninguém vai notar.

Então, capriche e pense em um nome que encha os olhos dos seus possíveis compradores.

Disponível

Este é um dos passos mais importantes, já que irá delimitar as opções disponíveis, entre todas que você pensou.

Então, sempre que tiver uma ideia, anote e verifique se está disponível nestes três canais:

  • Domínio livre, ou seja, a url que você irá usar no sei site. Para saber se está disponível ou não, consulte o registro.br;
  • Redes Sociais. Verifique se o nome de usuário está disponível ou se já existe alguém que o utiliza. Faça buscas em todas elas e veja se aparecem resultados ou se já estão sendo utilizados;
  • Hashtags: busque por hashtags e veja se alguém já as utiliza para algum outro fim.

Uma dica é, diariamente, pensar opções e ir anotando todas, para assim, poder escolher a melhor opção.

Nunca escolha a primeira ideia, pois, após amadurecer mais, outras melhores poderão surgir.

Definindo a chamada do seu curso

Para fazer uma analogia, a chamada do seu curso seria o mesmo que o slogan de uma empresa ou de uma marca.

É o espaço que você tem para convencer o seu aluno de que você traz a solução que ele tanto precisa ou busca.

Um bom exercício é tentar resumir em apenas uma frase, o que as pessoas vão alcançar no final do seu curso online.

Por isso, este passo pede uma dose extra de dedicação, já que é uma parte bastante estratégica.

Além disso, é importante que a sua chamada seja mensurável, específica e com foco no resultado.

Para que você consiga estruturar a sua chamada, existem 3 modelos básicos que podem ser seguidos e que funcionam muito bem.

Crie diferentes opções e veja qual impacta mais.

Modelo 1: Verbo + Resultado – Objeção

Neste modelo, você deverá definir alguns verbos, como por exemplo: aprenda, descubra, transforme, crie, alcance, etc.

Ele deverá estar alinhado com o que o seu aluno irá aprender no seu curso.

Acrescente os resultados que eles irão alcançar ao assistir as suas aulas.

Foque nos sonhos que eles podem ter ou nas metas que querem alcançar. Se, o seu curso resolve isso, deixe claro na sua chamada!

E, aproveite o espaço para quebrar as possíveis objeções que eles possam ter, ou seja, os obstáculos e desculpas que eles podem dar para não comprar o seu curso.

Veja agora um exemplo deste modelo aplicado na prática:

Conquiste mais clientes gastando pouco dinheiro com Marketing Digital.

Modelo 2: Passo-a-passo + Sonho – Dor

Quando você utiliza a expressão passo-a-passo, dá a ideia de que irá descomplicar o aprendizado e que agora a pessoa terá o caminho a seguir para conquistar o seu sonho.

Além disso, elimine a dor que o seu aluno pode ter, para mostrar que com o seu curso, ele irá alcançar exatamente o que almeja.

Veja este exemplo:

Aprenda o passo-a-passo para conquistar mais clientes sem precisar gastar com anúncios

Modelo 3: Verbo + Resultados + Tempo Delimitado

Muito similar ao primeiro modelo, neste caso, além de utilizar um verbo, você irá delimitar o tempo que a pessoa vai levar para alcançar os resultados.

Tente trazer dados para deixar claro o quanto seu aluno pode alcançar ou melhorar.

No primeiro modelo, eliminamos a objeção; neste mostramos quão perto ele está da conquista que tanto almeija.

Veja este exemplo prático:

Conquiste 15% a mais de clientes em 30 dias.

Assista a este vídeo para aprender a criar a chamada do seu curso na prática!

Agora, você tem em mãos, todas as informações que precisa para definir o nome e chamada do curso online de maneira estratégica.

Que tal colocar em prática este novo conhecimento para descobrir aquela opção que vai te ajudar a trazer resultados ainda melhores?

Então, não perca tempo e anote todas as sugestões que você tiver de nome e slogan até encontrar aquela que mais chame a atenção.

Apenas após esta etapa, é que você poderá seguir com as vendas do seu curso online.

Aproveite e comente aqui se você já conseguiu definir nome e chamada do curso online e como ficou o resultado final!

sapiumblog

One thought on “Como definir o nome e a chamada do seu curso online

Deixe uma resposta