Estratégias de conteúdo para professores digitais: Instagram

Aprenda a produzir conteúdos ideais para o seu Instagram e construir relevância nessa rede social

Há algumas semanas, discutimos a importância de criar conteúdo relevante em suas redes sociais para que, dessa forma, você crie autoridade no assunto e sirva como referência para o que as pessoas buscam.

Além disso, também falamos sobre adaptar o seu conteúdo para o Facebook, já que diferentes redes sociais exigem diferentes tipos de posts e formas de se comunicar com o público.

Como é preciso trabalhar o seu marketing digital como um todo e não apenas priorizar uma rede ou outra – salvo algumas exceções –, também falaremos sobre estratégias de conteúdo para o Instagram.

Assim como o Facebook, a rede lar das belas fotografias conta com mais de 1 bilhão de usuários ao redor do mundo, sendo o Brasil o terceiro país com o maior número deles: 77 milhões contra 80 milhões da Índia e 120 milhões dos Estados Unidos.

Logo, é importante que você esteja presente em uma rede com tantos usuários, que, além de estarem lá para acompanhar as fotos de seus amigos, também buscam conteúdo relevante de profissionais e marcas.

Mas, então, de que forma isso deve ser feito?

As legendas são suas aliadas

O Instagram é uma rede extremamente visual, em que os usuários batem o olho em dezenas de fotos em apenas alguns segundos de rolagem do feed.

Isso quer dizer que a sua publicação estará disputando a atenção com muitas outras. Assim, não faz sentido criar uma arte com todo o conteúdo ou excesso de texto. O lugar de fazer isso é na legenda.

Geralmente, a arte deve ser chamativa, como uma introdução interessante sobre o assunto que você abordará abaixo, na legenda.

Muitos profissionais autônomos vêm fazendo isso, e você provavelmente já deve ter visto algo do tipo:

“Arte: Os riscos da bebida alcoólica na gravidez.

Legenda: Recentemente, foi publicado um estudo que relaciona o consumo de bebida alcoólica na gravidez a…”

As legendas do Instagram possuem um limite de caracteres, mas, mesmo assim, é possível escrever um conteúdo de qualidade e atrativo para a maioria dos seus seguidores.

As pessoas que realmente estiverem buscando o assunto abordado irão parar na sua publicação e dedicar alguns minutos à leitura dela.

O que quer dizer que você não precisa se aprofundar demais, com muitos termos técnicos e extensos, mas também é preciso evitar ficar no superficial e genérico.

Descreva o conteúdo sempre de forma didática e com as suas próprias palavras, como se estivesse explicando para a sua persona.

Com tudo isso, também devemos lembrar de uma opção que pode te ajudar a distribuir o texto com a sua legenda:

Utilize o carrossel de imagens

O carrossel do Instagram foi implementado um pouco tarde, em 2017, e finalmente permitiu aos criadores de conteúdo – e usuários convencionais – mostrarem mais sobre um assunto em uma única postagem.

Com ele, é possível subir até 10 fotos ou vídeos em uma única publicação, o que é excelente para quem quer trabalhar um conteúdo mais extenso.

Junto com a legenda, é possível utilizar os recursos gráficos do carrossel e deixar o seu post ainda mais atrativo visualmente.

Você pode criar tópicos, gráficos, vetores, desenhos e outros elementos visuais que se conectem com o texto da legenda e prendam ainda mais a atenção do usuário.

Isso também ajudará a deixar o seu conteúdo ainda mais didático!

Mas lembre-se de utilizá-lo com moderação.

Além disso, não é preciso usar todas as 10 fotos/vídeos disponíveis, já que, geralmente, o recurso é utilizado como forma de contar uma história, como por exemplo, fotos que mostram uma evolução.

Para se aproveitar dessa estratégia de uma forma mais frequente e espontânea, vamos ao próximo item:

Stories: o carro chefe do Instagram

Deixamos para o final a cereja do bolo: os stories (ou histórias). É até mesmo difícil pensar no Instagram sem lembrar deles.

Eles são os queridinhos dos usuários que, muitas vezes, entram no aplicativo várias vezes ao dia apenas para visualizar os novos das pessoas que seguem.

Para dimensionar a popularidade do recurso, basta vermos que, diariamente, mais de 500 milhões de contas utilizam as histórias.

Afinal, não poderia ser diferente: é prático, dinâmico, permite que você acompanhe acontecimentos em tempo real e tem conteúdo verdadeiro e humano – nada de vídeos ou fotos superproduzidos e longe da realidade.

Os empreendedores e marcas também podem aproveitar do conteúdo temporário.

Nele, mesmo que por poucos segundos, o usuário não tem nenhuma distração, nenhuma postagem concorrendo com o que está sendo consumido ali.

Você fala diretamente com o seu seguidor sem mais nada te atrapalhando.

Além disso, há outra vantagem: diferente de outros tipos de publicação, os stories requerem uma interação do usuário.

Não há nenhum tipo de autoplay ou publicação que apareça automaticamente no seu feed. É preciso realizar uma ação para visualizá-lo – o que acaba sendo considerado um tipo de interação.

Tendo isso em mente, é de extrema importância que você faça um uso contínuo dos stories para engajar ainda mais os seus seguidores.

“Mas que tipo de conteúdo devo postar?”, você deve estar se perguntando.

Bem, como dissemos acima, os stories permitem um material mais humano e próximo dos seguidores. Contar acontecimentos (que tenham conexão com a sua área) do dia a dia, dicas rápidas, criar enquetes, responder perguntas, fazer lives e testimoniais são alguns exemplos do que pode ser trabalhado diariamente no seu Instagram.

Lembre-se de unir tudo isso a sua estratégia de marketing digital. E se você quiser mais dicas para a sua carreira de professor digital, pode acompanhar nosso blog, Instagram com lives toda terça-feira, a partir das 19h, e também nosso Facebook.

sapiumblog

Deixe uma resposta