Como se comunicar com naturalidade na frente das câmeras?

Se você costuma travar na hora de gravar um vídeo ou não consegue se comunicar com naturalidade, este post é para você!

Muita gente sente um desconforto ou até um certo medo das câmeras.

Porém, quando optamos pela carreira de professor online, fica quase impossível imaginar não utilizar os vídeos como um dos principais recursos para transmitir conhecimento.

Seja para gravar as suas videoaulas ou para criar conteúdo para as redes sociais, os vídeos serão uma constante no seu dia-a-dia.

Por isso, aprender a se comunicar com naturalidade quando alguém falar: “pode começar a gravar” vai te ajudar a preparar conteúdos mais eficientes e, consequentemente, melhores para os seus alunos e seguidores.

Além disso, esta postura tranquila irá te ajudar a transmitir conhecimento, ajudando a incrementar a sua autoridade!

Nós já falamos em outro post, sobre como perder a timidez. Mas hoje, vamos focar na maneira de se comunicar.

Então, acompanhe os próximos tópicos e se prepare para descobrir alguns segredos que irão te ajudar, de uma vez por todas, a gravar vídeos mais naturais e mais atraentes de serem vistos.

Primeiros passos para conseguir tirar o bloqueio das câmeras

Para falar sobre este assunto, nós trouxemos a Luciana Garcia, atriz, jornalista e criadora do AntiOratória.

Ela trouxe várias dicas sobre este assunto, em uma Live que fizemos para ajudar professores online que precisam destravar na hora de gravar vídeos.

Aqui, você consegue acompanhar o vídeo do bate-papo completo, mas também trouxemos um resumo por escrito dos principais pontos discutidos.

Acompanhe com a gente!

Se grave muito

Como não estamos acostumados a nos ver em frente às câmeras, precisamos treinar para conseguir lidar com a ansiedade que isso gera.

Ao se tratar de uma novidade e algo que você não se sente muito confortável fazendo, seu cérebro irá criar uma resistência, por isso é importante que você pratique, para que esta atividade seja mais natural a você e ao seu corpo.

Se conheça na frente das câmeras e veja sempre o que você pode fazer para melhorara cada vez mais.

Às vezes, sua postura, a maneira como você se expressa e até a quantidade de vezes que costuma repetir palavras e expressões como “ééé”, “uhnnn” podem ser moldadas e melhoradas com o tempo!

Por isso, aproveite que seu celular está sempre por perto e grave-se sempre que puder!

Se aceite, mas veja se você está satisfeito com a imagem que está transmitindo.

Caso contrário, veja como e por onde pode melhorar.

Coloque uma imagem que represente o seu público-alvo na sua câmera

Quando olhamos para a câmera, fica ainda mais difícil se comunicar com naturalidade, já que todo aquele equipamento pode ser um pouco intimidador.

Para quebrar este gelo, uma boa dica é pegar na internet o rosto de uma pessoa que represente o seu aluno, e colar ao lado da câmera ou celular.

Quando vemos um rosto humano, fica mais fácil fazermos a conexão e conseguirmos falar com mais tranquilidade.

Diferente de quando estamos olhando apenas para uma lente, que é algo frio e faz com que fiquemos ainda menos relaxados para gravar os vídeos.

Não entre em pânico!

Outro ponto importante é você tomar a decisão de não entrar em pânico.

Para se comunicar com naturalidade na frente das câmeras, é fundamental que você elimine os pensamentos do tipo: “nossa, minha voz fica horrível nos vídeos“, “Eu sempre travo quando vou gravar“, “eu não sirvo para isso“.

Nenhuma destas afirmações irão te ajudar a obter um resultado melhor.

Por isso, trabalhe a sua mente através das “aformações” positivas, de modo que você induza o seu cérebro a responder de maneira positiva também.

Então, troque aqueles pensamentos negativos por perguntas como: “Nossa, porque será que eu em sinto tão à vontade na frente das câmeras“? “Por que gravar um stories é algo tão natural para mim?“.

Desta maneira, seu cérebro irá procurar uma resposta para estas perguntas, fazendo com que você veja sempre os aspectos positivos e consiga fortalecê-los dentro de você.

Faça um roteiro, mas não fique preso a ele

Ter anotações ou a famosa “colinha” são bastante úteis para você conseguir se organizar e seguir uma sequência lógica de raciocínio.

Porém, tome cuidado para não ficar muito engessado e preso a ela, pois irá trazer uma certa rigidez a sua fala, te deixando robotizado!

Além disso, em alguns casos, elas podem se tornar mais um fator de ansiedade, ao invés de ajudar, já que a pessoa pode ficar preocupada em perder algum dos pontos anotados.

Trabalhe com uma sequência lógica de raciocínio para você, para deixar que o seu pensamento flua naturalmente.

Trabalhe sua respiração, hidratação e pausas

Fazer meditações antes de começar uma aula ou um vídeo podem ajudar você a ficar mais concentrado e focado nas informações que precisa passar.

Por isso, comece trabalhando a sua respiração antes da gravação, para liberar a ansiedade, mas não esqueça de continuar respirando durante a filmagem!

Fazer pausas são uma ótima pedida para que você organize os seus pensamentos e dê tempo para que os seu alunos assimilem as informações.

Você também pode aproveitar para fazer uma pausa para beber água. Além de ajudar neste sentido, você aproveita para hidratar as suas cordas vocais, impedindo que ela falhe enquanto você fala.

Estude e domine o assunto

Quando você domina um assunto, você se sente à vontade para falar sobre ele e responder, inclusive, dúvidas que seus alunos podem fazer durante a sua aula.

Este conhecimento irá te trazer segurança e vai te ajudar, também, a se comunicar com mais naturalidade.

Não se preocupe demais com o que os outros vão falar

Quem não se expõe não irá receber críticas, ao contrário daquele que decide aparecer em público, que será alvo de comentários.

Coloque sempre o seu sonho na frente do que te falam e lembre-se do seu propósito. Isso irá te fortalecer.

Claro, não esqueça de analisar sempre o feedback que você recebe e veja como você pode utilizá-lo para crescer ainda mais.

Simplesmente ignorar também não irá te beneficiar, por isso, faça os ajustes que julgar coerente e melhore a cada dia!

Pronto! Agora você já estará pronto para gravar seus vídeos e se comunicar com mais naturalidade na frente das câmeras.

Então, preparado para escutar o 3, 2, 1, gravando e agir com tranquilidade?

Espero que sim!

E, caso tenha ficado alguma dúvida, deixe aqui nos comentários que responderemos cada uma delas.

sapiumblog

Deixe uma resposta